Artigos

Portugal 2020 – proj. para 2017 – Heimtextil

Exmos Senhores,

Tendo em consideração as normas da Messe, no que se refere ao período em que tem que ser efectuado o registo de participação na Heimtextil, a Associação decidiu, norteada pelo objectivo primeiro da sua constituição – apoio à internacionalização das empresas portuguesas – submeter ao Balcão 2020/Portugal 2020, um novo projecto conjunto, que contemplará as acções abaixo indicadas:


  • Heimtextil 2017
  • Economia Digital
  • Plataforma de Comércio Electrónico
  • Prospecção de mercados
  • Missões Inversas,( estas, com o objectivo principal de “obrigar” os compradores internacionais a pre-registarem-se quer para se deslocarem ao Portugal” – Guimarães Home Fashion Market Week quer também para visitarem as empresas portuguesas que participam em certames internacionais).

 

Com excepção da participação na Heimtextil, todas as outras acções indicadas se destinam à promoção colectiva e não individual. Daí que, sendo a Associação a liderar todo este processo, haja necessidade de se realizarem reuniões com grupos de empresas, para que cada um possa aportar ideias que enriqueçam esta actuação.

Neste projecto, haverá, também a possibilidade de as empresas poderem incluir despesas com:
catálogos digitais (imagens, concepção, paginação), prospecção de mercados (como continuidade de trabalho iniciado com a sua participação em acções conjuntas da responsabilidade da Associação).

Para tanto, terão que entregar à Associação orçamentos aproximados dos custos envolvidos).

Informa-se, entretanto, que se o projecto for aprovado, as despesas elegíveis só poderão ser consideradas, com data a partir de Junho de 2016.

Dado que o projecto em apreço, terá que ser entregue, via electrónica, impreterivelmente, até ao dia 28 de Dezembro, agradecemos os vossos contributos, com a maior urgência.

 

Melhores cumprimentos

PCI Internacionalização nº 108-2015/2016

A Associação Home from Portugal, tem o prazer de comunicar  que o Projecto Conjunto de Internacionalização 01/SI-QI PME, foi aprovado, no  âmbito do PORTUGAL 2020.

Assim, solicitamos que nos enviem, urgentemente, por e-mail, os valores de produção  (valores exactos que constem no IES de 2013), atendendo a que, no prazo de 48 horas, temos que confirmar ao QREN, as empresas que poderão participar nas acções (uma e/ ou mais acções) conforme calendarização em anexo.

Os dados (IES de 2013) das empresas que participaram no projecto conjunto nº 22.737 de 2011, constituem, também  a base de mensuração dos  valores do pós-projecto, em verificação final,  pelos serviços competentes.

Chamamos a vossa melhor atenção para a participação na Heimtextil 2016, na qual um grupo de 35 empresas já fez o seu pré-registo junto da Messe. Esse pré-registo, que passará para a coordenação da Home from Portugal, já atingiu o plafond desta acção, não sendo possível, por isso, aceitar  mais empresas.

Agradecemos, também, que nos indiquem  se vão ou não  participar nas acções do 2º. semestre de 2015.

O motivo de só agora estarmos a pedir esta informação, com a maior brevidade, deve-se ao facto de, só hoje,  termos tido a indicação de aprovação do projecto. É imprescindível termos a vossa posição urgentemente, sob pena de serem postas em causa as acções e a sua adequada preparação.

Pensamos, dentro de breves dias, convocar o sector para uma reunião geral.

A equipa coordenadora do projecto encontra-se em Miami a acompanhar as empresas que participam na Maison & Object/Americas.

Para esclarecimento de qualquer dúvida, poderão contactar o telemóvel 917 214 095.

Heimtextil 2015 – Home from Portugal

Pelo quarto ano consecutivo, a Associação Home from Portugal marcará presença na maior feira de têxteis lar do mundo, com um stand institucional, onde será facultada informação sobre o sector, na sua globalidade, a qualquer visitante profissional que o pretenda.

Esta informação materializa-se na distribuição do catálogo Textiles Selection, em edição de papel e CDRom, na informação pessoal prestada pela representante da Associação no stand e bem assim, na possibilidade física do visitante poder “viajar pelo sector” através de um monitor instalado no local.

Portugal estará representado por um grupo de 70 empresas, espalhadas pelos vários Halls, de acordo com a sectorização do certame.

No entanto, sendo o Hall 11.0 e 11.1, os espaços, por excelência, onde se encontram apenas as empresas seleccionadas pelo comité da própria Organização da Heimtextil, é um orgulho para o nosso País, constatar que um número significativo desses expositores é proveniente de Portugal.

Para além do stand institucional, ao abrigo do QREN – Projectos Conjuntos, a Associação presta também apoio a um conjunto de 24 empresas, na sua maioria PME e Micro.

Destas, algumas participam pela primeira vez, num certame internacional, cumprindo-se, assim, o objectivo primeiro da Home from Portugal – apoiar as empresas portuguesas, de valor reconhecido, a iniciarem o seu caminho na internacionalização.. Nenhuma exposição totalmente focalizada no sector, como é o caso da Heimtextil – poderia apresentar-se como a melhor e mais adequada oportunidade para uma empresa se testar.

Para além das empresas que irão fazer o seu “debut” na Heimtextil, há ainda um conjunto significativo que continua a beneficiar do apoio da Associação, já que, é absolutamente essencial que este seja consistente e por um período razoável, para que as mesmas possam, depois, continuar o seu percurso sozinhas, cedendo o seu lugar a outras que surgem e que têm condições para se internacionalizar.

Portugal tem um lugar muito importante e reconhecido, no mundo dos produtores e exportadores de têxteis lar.

Os nossos clientes são provenientes dos mercados mais exigentes, em termos de exigência de qualidade e idoneidade ( EUA, Japão, Dubai, Alemanha, Suiça, etc, etc.).

As empresas portuguesas souberam transformar as fraquesas em oportunidades.

A sua oferta é diversificada, querendo isto significar que abrangem dois segmentos muito importantes – o doméstico e o do contracting.

A aposta da indústria na formação, na pesquisa, na utilização de novas matérias primas com novas aplicações que passam pelas tradicionais e abarcam a saúde e o bem estar, são mais valias, de valor inestimável num mundo global onde a qualidade, aliada à idoneidade/seriedade no negócio são factores essenciais para fidelizar o comprador e o consumidor.

Associação Home from Portugal
Maria Alberta Canizes

Heimtextil 2014

Está a decorrer mais uma edição da maior feira, a nível mundial, para os têxteis lar – a Heimtextil 2014.

À semelhança do quem vem acontecendo nos últimos anos, a Associação Home from Portugal, ao abrigo do projecto conjunto apresentado ao QREN, e que mereceu parecer favorável, apoia a presença neste certame de um grupo de 22 empresas PME.

De salientar que, dando cumprimento ao espírito do QREN, algumas dessas 22 empresas, participam pela primeira vez na Heimtextil.

Segundo as mesmas, a vontade de participar neste certame, referência no mundo para os Têxteis lar, era muito forte. Contudo, sem o apoio da Associação, tal não seria viável nos próximos tempos já que, para além da questão financeira (certame com custos bastante elevados) também o apoio logístico se torna absolutamente imprescindível para as empresas que se iniciam no mundo da internacionalização.

Decorridos que estão os dois primeiros dias da feira, podemos afirmar que a opinião recolhida, quer junto das empresas apoiadas pela Associação quer de muitas das outras,é francamente positiva.

Para além dos clientes habituais, também alguns mercados e clientes novos têm aparecido.

Para as empresas que participam pela primeira vez, a sua presença tem, entre outros, três aspectos fundamentais: conhecer a reacção dos agentes económicos relativamente aos seus produtos, ter contacto com a concorrência directa e “the last but not the least”, estabelecer contactos que possam resultar em negócios num futuro que se espera seja próximo.